Brasil registra 656 mortes por Covid em 24 horas; total chega a 579.052

Já com relação ao número casos, o país registrou em 23.155 nas últimas 24 horas. Com isso, a média móvel de casos nos últimos 7 dias ficou em 24.722. O total desde o início da pandemia é de 20.726.800.

Foto: Divulgação

O Brasil registrou 656 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas, totalizando neste sábado (28) 579.052 óbitos desde o início da pandemia. Com isso, a média móvel de mortes nos últimos 7 dias ficou em 687, o terceiro dia seguido abaixo de 700.

Já com relação ao número casos, o país registrou em 23.155 nas últimas 24 horas. Com isso, a média móvel de casos nos últimos 7 dias ficou em 24.722. O total desde o início da pandemia é de 20.726.800.

Os números estão no novo levantamento do consórcio de veículos de imprensa sobre a situação da pandemia de coronavírus no Brasil, consolidados às 20h deste sábado. O balanço é feito a partir de dados das secretarias estaduais de Saúde.

Veja a sequência da última semana na média móvel:

Sábado (21): 773

Domingo (22): 765

Segunda (23): 766

Terça (24): 730

Quarta (25): 718

Quinta (26): 696

Sexta (27): 677

Sábado (28): 687

Em 31 de julho o Brasil voltou a registrar média móvel de mortes abaixo de 1 mil, após um período de 191 dias seguidos com valores superiores. De 17 de março até 10 de maio, foram 55 dias seguidos com essa média móvel acima de 2 mil. No pior momento desse período, a média chegou ao recorde de 3.125, no dia 12 de abril.

Três estados apresentam tendência de alta nas mortes: RJ, AC e SE.

Em seu pior momento a curva da média móvel chegou à marca de 77.295 novos casos diários, no dia 23 de junho deste ano.

Brasil, 28 de agosto

Total de mortes: 579.052

Registro de mortes em 24 horas: 656

Média de novas mortes nos últimos 7 dias: 687 por dia (variação em 14 dias: -20%)

Total de casos confirmados: 20.726.800

Registro de casos confirmados em 24 horas: 23.155

Média de novos casos nos últimos 7 dias: 24.722 por dia (variação em 14 dias: -13%)

Pouco mais 28% dos brasileiros estão totalmente imunizados, ou seja, tomaram as duas doses ou a dose única de vacinas contra a Covid. São 59.568.097 doses aplicadas, o que corresponde a 28,21% da população, de acordo com dados também reunidos pelo consórcio de veículos de imprensa.

Os que estão parcialmente imunizados, ou seja, que apenas a primeira dose de vacinas, são 128.671.178 pessoas, o que corresponde a 60,32% da população.

Somando a primeira, a segunda e a dose única, são 188.843.674 doses aplicadas no país.

Informações G1

Compartilhe

Deixe seu comentário