Feira poderá abrir mais 13 leitos de UTI Covid; ampliação será no Hospital de Campanha e Dom Pedro

De acordo com o secretário Municipal de Saúde, Marcelo Brito, a perspectiva é ter mais cinco leitos no Hospital de Campanha e oito no Hospital Dom Pedro.

Foto: Divulgação

Cerca de 133 pessoas seguem internadas por Covid-19 em Feira de Santana, conforme boletim epidemiológico desta terça-feira (06). Os dados apresentam uma redução de internamentos, após cinco dias consecutivos sem diminuição no número de hospitalizados devido ao novo coronavírus.

À nossa reportagem, o secretário Municipal da Saúde, Marcelo Brito, destacou que, para atender a demanda de casos mais graves da doença, consequentes internamentos e desafogar o sistema que já está 'estressado', leitos serão ampliados nas unidades de atendimento aos infectados.

'Há vários momentos, nestas duas últimas semanas, que nós tivemos o número de internamentos que ultrapassou o número de leitos disponíveis, em alguns momentos conseguimos atender e em outros há muita dificuldade. Estamos com a perspectiva de ampliar o Hospital de Campanha em mais cinco leitos de UTI e o Dom Pedro com mais oito leitos', diz.

Com a possível disponibilidade de mais 13 leitos de UTI Covid, Marcelo ressalta que o quantitativo ainda será ‘absolutamente insuficiente’.

'Pouco adianta nós botarmos mais leitos no sistema porque rapidamente será esgotado, não há nenhum lugar no mundo que consiga internar metade da população, além disso, não é só a questão da disponibilidade do leito, tem a questão física de espaço, é preciso ter equipamentos, monitorização e equipe técnica, que não está mais disponível no mercado', diz.

Compartilhe

Deixe seu comentário