Bahia e Atlético de Alagoinhas se classificam para final do Campeonato Baiano

As datas dos confrontos de ida e volta ainda não foram definidas pela Federação Bahiana de Futebol (FBF).

Foto: Jefferson Peixoto / Ag. Haack

Na tarde deste domingo (02), o Bahia garantiu vaga na final do Campeonato Baiano, após ficar no empate em 2 a 2 com o Jacuipense, em Pituaçu, pelo jogo de volta da semifinal. 

Jadson e Jeferson Douglas marcaram para o time da capital baiana, enquanto Rafael Bastos e Raniele deixaram tudo igual para a equipe do interior. 

Como o Bahia havia vencido o jogo de ida, disputado em Riachão do Jacuípe, pelo placar de 2 a 0, o agregado da semifinal ficou em 4 a 2 para o Tricolor.

Também neste domingo, o Atlético de Alagoinhas perdeu para a Juazeirense, por 2 a 0 no estádio Carneirão, mas conquistou a vaga de finalista do Baianão. 

Com gols de Jeam e Nino Guerreiro, a Juazeirense não conquistou o resultado necessário. Com apenas cinco minutos do primeiro tempo, Jeam foi quem abriu o placar para Juazeirense. No segundo tempo, Nino Guerreiro marcou o segundo aos 29 minutos, definindo o placar final do jogo. O goleiro Fábio Lima ainda garantiu o resultado, impedindo que o Cancão ampliasse o saldo de gols, ao defender o pênalti de Nino Guerreiro e o rebote logo em seguida aos 37 minutos. 

Na primeira partida da semifinal, na última quarta-feira (29), o Atlético de Alagoinhas venceu a Juazeirense por 4 a 1, abrindo vantagem para este segundo duelo. Com isso, a Juazeirense precisava de uma diferença de 4 gols na segunda partida para conseguir chegar nas finais. 

Com os resultados, Bahia e Atlético de Alagoinhas se enfrentam na decisão do Baianão 2020. Na primeira fase, o Carcará venceu o Tricolor pelo placar de 1 a 0. As datas dos confrontos de ida e volta ainda não foram definidas pela Federação Bahiana de Futebol (FBF). A tendência é que a primeira partida ocorra na próxima quarta-feira (05) , enquanto o segundo jogo deverá ser marcado de acordo com a agenda das duas equipes.




Informações Bahia Notícias/Globo Esporte

Compartilhe

Deixe seu comentário