Moradores do Campo Limpo idealizam projeto de rede de esgotamento

Foto: Reprodução

Moradores da Travessa Piratuba e rua Mato Verde, entre o bairro Campo Limpo e Conjunto Feira VI em Feira de Santana sofrem transtornos com os efeitos da chuva na localidade. 

Segundo Luciana, moradora da Travessa, a água invade as casas levando lixos, ratos e baratas as residências. 

'O esgoto passa todo por aqui, a gente recebe toda a bagaceira, essa semana mesmo tivemos que conviver com um forte mau cheiro, essa situação já faz muitos anos', diz, ressaltando que para evitar maiores danos, os moradores acimentam frequentemente a rua. 

Há sete anos morando na rua Mato Verde, Uilson Júnior, destaca ainda a forte presença de insetos no local. 

'Eu não adianto mais ir ao médico, é rato, cobra, crianças e idosos caindo no local, dependemos dos órgãos públicos, temos medo da dengue, o tanto de inseto que tem atrapalha a gente até dormir, além do mau cheiro', ressalta.  

Em razão da precariedade do local e dificuldade dos moradores, Ailton, morador dos arredores, se sensibilizou e iniciou um abaixo-assinado, que conta com 700 assinaturas, para cobrar melhorias ao governo municipal. 

'Isso acontece há muitos anos e já está no conhecimento da secretaria, mandamos um ofício para o gabinete do prefeito e estamos aguardando a resposta dele', relata Ailton. 

De acordo com ele, os moradores idealizaram um projeto de rede de esgotamento de água pluvial para solucionar o caso. 

'O projeto também já foi aprovado pelo engenheiro, só que eles pediram para que eu fizesse um orçamento, mas quem tem que fazer é o município e adiantar essa situação porque quem sofre com isso não aguenta mais', conta. 

O projeto abrange um total de 502m na região. 

'Começa na rua N, desce uma rua que tem 54m, a outra 82m e outra descendo 160m. É um obra pequena que não vai ter problema nenhum para que a prefeitura realize', mostra Ailton. 
 
Com informações do repórter Joaquim Neto 

Confira a reportagem em vídeo: 

Compartilhe

Deixe seu comentário