ENFRAQUECENDO A CREDIBILIDADE

Adriano Machado/Reuters

 O STJ concedeu liminar nesta terça-feira (14) para soltar Michel Temer que estava preso por decisão da Justiça federal. Os fundamentos do STJ deixam claro que os Juízes e desembargadores “ quo” não decidem com segurança e possivelmente estão decidindo em cima dos clamores populares. Não que as vozes das ruas não devam ser escutadas, mas, antes delas estão os dispositivos legais aos quais os magistrados estão subordinados. Ainda que Temer seja culpado pelos crimes ora denunciados, os juízes e tribunais devem seguir a legislação penal vigente e não decidirem no calor das emoções. O país está assistindo um solta e prende sem precedentes na história da justiça e com isso enfraquecendo a credibilidade das instituições.

Compartilhe

Deixe seu comentário