Frei Mario Sérgio recebe título de Cidadão Feirense em sessão marcada pela emoção

Além de religioso, o frei Mário Sérgio é também cantor, escritor e radialista.

“O importante e bonito do mundo é isso: que as pessoas não estão sempre iguais, ainda não foramterminadas, mas que estão sempre mudando. Afinam e desafinam”. Com esta citação de o escritor Guimarães Rosa, a vereadora Gerusa Sampaio iniciou o seu discurso de saudaçãona sessão solene da noite desta quarta-feira (12), para em seguida atestar que o novo cidadão feirense, Frei Mário Sérgio dos Santos Silva, sempre esteve afinado com seus ideais.


A vereadora lembrou que o homenageado é natural de Aracaju SE) e ingressou na Ordem dos Frades Capuchinhos, em sua cidade natal, aos 19 anos de idade e a partir de então cumpriu etapa de sua formação, “comprovando seu compromisso com as atividades e crenças da Igreja Católica, especialmente os ensinos da fé franciscana”, conforme destacou. Tornou-se frade em definitivo no ano de 2004 e, posteriormente, foi ordenado da Igreja da Piedade, em Salvador.


O frei Mário Sérgio, que também é cantor,escritor e radialista“tem inegáveis contribuições para a nossa cidade e sua trajetória é marcada pela difusão do bem”, de acordo com Gerusa Sampaio, que disse ser motivo de honra para a Câmara Municipal outorgar a cidadania feirense para o religioso. Honra e orgulho também para o homenageado, que chegou a Feira de Santana em 2011. Hoje, ele se define como “aracajuano denascimento, baiano de coração e, agora, orgulhosamente feirense”.


Frei Mário Sérgio contou que não demorou muito para perceber que o maior tesouro da cidade era o seu povo. “Povo de fé! Povo batalhador, Povo honesto! Povo de portas abertas e coração escancarado”, enfatizou, em um discurso permeado pela emoção e, sobretudo, pela gratidão. Ele agradeceu à igreja e todos os paroquianos, em especial a vereadora Gerusa Sampaio. Mas o agradecimento especial foi para a mãe, “mulher de muita fé e bondade no coração”.


A sessão foi marcada por carinho e respeito por parte do homenageado, bem como das pessoas que lotaram a galeria e o plenário da Casa da Cidadania. Os trabalhos foram conduzidos pelo vereador José Carneiro Rocha, presidente do Legislativo, que compôs a mesa ao lado do prefeito Colbert Martins da Silva Filho; Dom Zanoni Demetino Castro, Arcebispo Metropolitano de Feira de Santana; Frei Mário Sérgio e sua mãe, Maria José Souza, que recebeu flores das mãos da primeira dama do Município, Adenilda Martins.

Compartilhe

Deixe seu comentário