Prefeitura espera R$ 400 mil do Governo da Bahia para contratação de atrações na Micareta

A quatro dias da folia, a Prefeitura de Feira de Santana ainda aguarda uma resposta em definitivo da BahiaTursa para fechar a grade completa do evento.

Rede Social

Na última semana, o secretário municipal de Cultura, Edson Borges, solicitou ao presidente do BahiaTursa, Diogo Medrado, um patrocínio de R$ 400 mil para a contratação de atrações na Micareta de Feira – valor até modesto para a “grandiosidade” da festa, segundo o secretário. A quatro dias da folia, a Prefeitura de Feira de Santana ainda aguarda uma resposta em definitivo da BahiaTursa para fechar a grade completa do evento.

Em virtude do crescimento dos carnavais fora de época pelo Brasil, Edson Borges deduz que esta massificação contribuiu para que a visibilidade da micareta da cidade seja descentralizada em função das outras festas que são realizadas em todo o país.

“A visibilidade nacional que a Micareta já teve tem uma razão de não ter mais: Quando se tem um produto original e inédito, é muito mais fácil de divulgar. As micaretas se espalharam pelo Brasil deixando de ser um produto novo”, concluiu.

O líder do governo e deputado estadual Zé Neto (PT), em entrevista ao Bom Dia Feira, diz que a prioridade do Estado é a Segurança.

“Só de aparato policial, são mais de R$ 6 milhões e 13 mil postos contratados - praticamente a metade do que foi investido em Salvador, além da participação do Ministério Público, Defensoria Pública, e outras secretárias que fazem um trabalho periférico. Com isso, nós restituímos à cidade a dignidade de uma segurança pública em mais de 400% desde 2006 quando o Governo começou a participar efetivamente da micareta”, garantiu.

A Secretaria Municipal responsável pela organização da festividade refutou a declaração do deputado e ressaltou que o evento tem que ser mais atrativo para investidores, diminuindo assim, os custeios públicos em detrimento de recursos captados pela iniciativa privada.

“A Micareta tem que ter um melhor marketing na divulgação para que os investidores tenham a garantia da qualidade da folia. Falta mostrar para eles que a Micareta de Feira é uma festa popular tão bem organizada como é o Carnaval de Salvador”, disse Edson Borges.

O percurso Maneca Ferreira teve seu trajeto reduzido em 2018 de 2 para 1,8 km – 700 metros a menos quando comparado ao circuito Barra/Ondina, na capital baiana. Com o novo percurso, os trios desfilarão cerca de 2h15min em todo o trecho da avenida.

.

 

Compartilhe

Deixe seu comentário