Sobrinha-neta de Frida Kahlo acusa a gigante americana de ter usado a imagem dela sem a devida autor

A maior fabricante de brinquedos do mundo apresentou a versão de sua boneca mais famosa vestida como Frida Kahlo, em uma suposta tentativa de homenageá-la no Dia Internacional da Mulher

google

A polêmica envolvendo a Barbie inspirada em Frida Kahlo que a Mattel lançou há alguns dias finalmente foi comentada por Salma Hayek Pinault, que em 2002 interpretou a célebre pintora mexicana no longa “Frida” e soltou o verbo contra a empresa neste domingo. “Frida Kahlo nunca tentou ser ou se parecer com quem quer que seja. Por que eles transformaram ela numa Barbie?”, a atriz postou no Instagram.

Pra quem não acompanhou o caso, na semana passada a maior fabricante de brinquedos do mundo apresentou a versão de sua boneca mais famosa vestida como Frida Kahlo, em uma suposta tentativa de homenageá-la no Dia Internacional da Mulher. O problema é que muita gente não gostou do resultado, e até uma sobrinha-neta da artista acusou a gigante americana de ter usado a imagem dela sem a devida autorização.

Em comunicado, a Mattel afirmou que possui autorização para produzir a boneca, e que não pretende retirar o produto do mercado por causa da reação negativa que despertou em algumas pessoas. A Barbie à la Frida Kahlo faz parte de uma linha que inclui outros ícones femininos de diferentes áreas, como a cientista espacial Katherine Johnson e a diretora Patty Jenkins, do megahit “Mulher Maravilha”. (Por Anderson Antunes)

Compartilhe

Deixe seu comentário