Secretário de Planejamento fala sobre arborização da Avenida Getúlio Vargas

Prestes a completar três anos e perto de ser entregue a população, o secretário de Planejamento do município, Carlos Brito, fala sobre a implantação da grama e da revitalização da área verde na Avenida Getúlio Vargas, uma das principais da cidade

Foto: Joaquim Neto

Com a liberação das obras do BRT, no final de junho de 2015, muitas pessoas levantaram a questão sobre a possiblidade das áreas verdes nas principais avenidas de Feira de Santana serem comprometidas. Completando três anos e prestes ser entregue a população, o secretário de planejamento do município, Carlos Brito, fala sobre a implantação da grama e da revitalização da área verde na Avenida Getúlio Vargas, uma das principais da cidade.


“A Avenida Getúlio Vargas é uma referência para a cidade, quando fizemos essa proposta de requalificação da mesma, foram provocadas algumas polêmicas, mas continuaremos preservando a área verde do local haverá uma grande parte com gramas e essas terão cuidados contínuos. Não haverá uma avenida seca, a grama será plantada e irrigada, terá iluminação própria, para que as pessoas possam andar a noite”, explica.

O secretário de planejamento, Carlos Brito destacou que além da revitalização da área verde, com a implantação de novas árvores e a grama na avenida, será preciso fazer também a troca de algumas árvores que já tenham 30 anos ou mais, aquelas que estejam comprometidas, para que elas não venham causar acidentes ou demais danos.


“Podemos observar algumas arvores flamboyant que estão sendo mantidas por questão de serem árvores exóticas e que já possuem mais de 30 anos, o Parque Jardim já está estudando as alternativas, replantando novas mudas de arvores dentro do projeto que se foi proposto para que, na necessidade, futuramente, essas possam ser substituídas por questão de prevenção de acidentes”, pontua.

Segundo o secretário, uma avenida verde é sinônimo de bem estar, já que árvores proporcionam sombras para as pessoas que por ali passarem. “A intenção é dar uma melhor qualidade de vida”, salienta.

Todo o município

“Efetivamente o município tem um departamento parque Jardins que tem se preocupado bastante essa questão. Torna-se necessário entender que Feira de Santana não é da prefeitura e sim da população, é importante que cada cidadão plante uma árvore na sua porta para melhorar a sombra da sua casa, que, com certeza, irá melhorar sua qualidade de vida”, completa.


Comentários