Bom Dia Agora por Dilson Barbosa

Curta nossa página no Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Instagram
DOLAR R$ 3,223
24 de Novembro de 2017
TODAS AS NOTÍCIAS ›

Bahia
Neto para Rui: Pegue verba do Centro de Convenções e faça outra coisa

24/10/2017 às 00:00:33
Aumentar Fonte Diminuir Fonte
Neto para Rui: Pegue verba do Centro de Convenções e faça outra coisa

O prefeito ACM Neto (DEM) afirmou, nesta segunda-feira (23), durante o lançamento do projeto do novo Centro de Convenções de Salvador, que a capital baiana “não precisa de dois espaços” semelhantes.

Ele sugeriu ao governador Rui Costa, que estuda criar um empreendimento na Avenida Paralela ou no Comércio, desde o desabamento de parte da estrutura que interditou o complexo original, utilizar a verba destinada à reposição para outras áreas.

“Salvador não precisa de dois centros de convenções. Esse equipamento vai resolver todas as necessidades da nossa cidade em termos de congressos, eventos… é um equipamento multiuso. Foi uma demanda minha, pois há uma demanda na cidade de local para eventos. Vai ter uma área externa para 20 mil pessoas. Fizemos diversas consultas ao trade. Fomos buscar conselhos técnicos fora da Bahia. Eu não queria um equipamento que não atendesse a todos as demandas. O governador pode pegar o dinheiro que ia colocar no Centro de Convenções e fazer outra coisa”, provocou, durante o anúncio de lançamento do projeto, no Restaurante Boi Preto, na Boca do Rio.

De acordo com o democrata, houve sim disputa política desde a interdição, mas pela parte estadual, devido a um “pensamento pequeno”.

“Já pagamos um preço alto. Já que a prefeitura vai resolver, não tem porque fazer essa coisa de fazer outro: pega esse dinheiro e aplica em outras coisas que vai ter todo apoio e aplauso da minha parte”, reforçou. “Comigo não tem que procurar culpados ou desculpas. Pode, pode. Não pode, não pode. Só me comprometo com o que posso realizar. Salvador viveu a novela da falta de um centro e com decisões erráticas por parte do governo do Estado. Não vou utilizar esse momento para fazer embate político partidário. Mas esse tipo de gestão não era esperada por nossa cidade. Um dia era reconstruir o centro aqui, depois era levar para o Comércio. Aí quando eu ouvi a notícia de que seria no parque, eu disse: ‘aí não dá’. Não dá pois eu sei que não vai sair. Aí depois o governo vai e lança proposta de estudos. Com a gente é diferente. Garanto a vocês que no começo de 2019 Salvador já terá Centro de Convenções funcionando, operando”, alfinetou.

O projeto custará R$ 93 milhões, entre recursos municipais e do Ministério do Turismo. A obra tem previsão de ser concluída em dezembro de 2018, pouco depois da eleição estadual do próximo ano.

Bahia.ba

Comentários

Leia Mais

TVAgora

Com o filho no colo, PM de folga mata dois assaltantes

mais vídeos ›