Bom Dia Agora por Dilson Barbosa

Curta nossa página no Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Instagram
DOLAR R$ 3,261
21 de Novembro de 2017
TODAS AS NOTÍCIAS ›

Poltica
Políticos feirenses repercutem acusações contra Michel Temer e Aécio

18/05/2017 às 11:03:13
Aumentar Fonte Diminuir Fonte
Políticos feirenses repercutem acusações contra Michel Temer e Aécio

A delação da JBS caiu como uma bomba no país ao apontar denúncias envolvendo o presidente Michel Temer e o senador Aécio Neves, no sentido de tentar silenciar o ex-presidente do Senado, Eduardo Cunha. Este é o assunto principal desta quinta-feira (18)  no mundo político.

 Confira a repercussão entre políticos feirenses:

Vice-prefeito Colbert Martins (PMDB):

“Tem que ser apurado tudo. É necessário que toda ação da Justiça seja respeitada e ampla. É importante que se avance nessas denúncias e atinja quem tiver que atingir, e responda quem tiver que responder. Neste momento pelo que eu sei alcança também o procurador geral da república e alcança várias outras pessoas que estão sendo investigadas. Neste momento quanto mais amplitude da Justiça melhor”, afirmou.

Indagado sobre o afastamento de Temer ou mesmo sua renúncia, Colbert declara: “Não dá para fazer um linchamento prévio”, disse.

Deputado estadual Carlos Geilson (presidente do PSDB em Feira):

“O Temer não reúne mais condições morais para continuar governando o país. Ele perde neste momento a governabilidade justamente no momento em que o país dava sinais de retomada do crescimento. Tenho expectativa que se ele não renunciar até o dia 6 de junho, data do julgamento da chapa Dilma-Temer. Ele não renunciando até lá, ele não escapa e a chapa sendo cassada, ele perder o cargo de vice que o levou a condição de presidente”, declarou, defendendo a renúncia de Temer.

Prefeito José Ronaldo de Carvalho (DEM):

“Temos certeza que a Procuradoria Geral da República, a Polícia Federal, o Supremo Tribunal Federal e a Justiça estarão apurando todas essas denúncias, não só as de hoje mas todas que vem acontecendo desde o início da Lava Jato, com todo o rigor e toda segurança para que o país volte evidentemente a respirar sem tantas denúncias que não são boas para a Bahia, para Feira e para lugar nenhum”, ressaltou.

Daniela Oliveira com informações de Luiz Santos

Comentários

Leia Mais

TVAgora

Com o filho no colo, PM de folga mata dois assaltantes

mais vídeos ›