O tempo do pensamento

Foto: Reprodução

Quem é, não diz que seja! Já quem nunca será, geralmente, esbraveja. Ser tão, se não for... E ser tão menos, ainda; se for.

Pensando como pensou um pensador... logo existo, contrapondo com outro que pensou o pensar desse outro, existo onde não penso. E outro que diz: tudo se reiniciaria se não tivéssemos a capacidade de repensar... quer que tudo seja diferente, não pense igual a, ou, quando.

O que é um milésimo, um teimoso minuto de um dia que passa pelo mundo em menos de um segundo? Como um simulacro de um dito pensar, sentir, falar tentando organizar, o que não dá para pegar, alcançar parar.

O tempo, que passa sem se incomodar ou se apiedar, dos que nascem e morrem, se lamentam/celebram/gozam ou sonham sem parar.

Viver, estar, ser… é uma questão de idealizar;

O que pensa ser, pensa ver e vive, chorando e se movendo sem parar.

Muitas vezes pensando:

- Madrugada fria o sol se esconde, alegria onde tu estás?

Compartilhe nas redes sociais

Comentários